Dando um tempo

Gente, vou dar um tempo desse blog. Já há meses acho que ele perdeu a minha cara, ou eu mudei, sei lá; simplesmente não tenho me identificado com ele.

Pode ser que ainda surja alguma postagem por aqui, de humor ou imagens fantásticas.

Qdo vencer o domínio, não sei se vou renovar, então quem quiser acessar vai ter que usar o endereço do blogger, anotem aí: http://lucia-inthesky.blogspot.com

Continuo Lucia in the sky, mas agora em outra plataforma, ainda meio sem forma, mas devagar vou ajeitando: http://lucinha.tumblr.com/

Também vou continuar com minhas participações no Bem Casadas e no Cristão da Universal.

Mantenha-se informado me seguindo no twitter .


Bjins :-*

28 janeiro 2009

Rapidinha



Há quem diga que não há nada melhor para dizer em certos momentos do que um palavrão.

Uma topada no pé da cama, um gol contra ou um golpe de sorte fenomenal parecem pedir um sonoro palavrão?

Confesso que muitas vezes acho engraçado ouvir palavrões. Tem gente que tem estilo até para isso. Palavrões em inglês parecem menos ofensivos - quando assisti 'Tropa de elite' os palavrões doíam em meus ouvidos.

E perto de criança? Tem que tomar um cuidado... os baixinhos saem por aí repetindo tudo!!!

Eu não falo palavrão, e você?

Mas também não sou chata com relação a isso, pode falar perto de mim, só não gosto quando de cada 5 palavras 6 são palavrão.

Lembrei de uma amiga que diz: melhor ouvir isso que ser surdo, rsrsrsrsrsrs.

10 Comentários:

Claudia Pimenta disse...

oi lúcia! concordo - palavrão somente mt bem empregado... acho péssimo esta de usar sempre e p/tudo... além de super deselegante, claro! mas, depois de uma topada (risos)... bjs, querida!

Babi Mello disse...

Só uso qdo necessário e olhe lá. Agora ter um vocabulário repleto deles fica muito feio.

Chris disse...

Eu nao falo nao, mas em certas horas sai um M****. Holy Shit! kkkkkk
Nossa... Tropa de Elite era demais! Acredito que as palavras tem energia e forca e elas tem poder, por isso sempre procuro tomar cuidado com elas. Acredito que em tropa de elite a gente se sente mal pela energia pesada mesmo. Sei la, mas a svezes escutar agride, outras nao, depende ne?

Pois e, em ingels e holandes para mim nunca agride, mas e pq os significados que tomamos das palavras vem de uma forma diferente quando aprendemos a lingua "mais velhos", a experiencia que tivemos com essas palavras sao mais recentes, fazemos mais conexoes com a nossa lingua do que tomamos o real significado... pq qdo se e crianca e aprende a lingua, as experiencias sao paralelas e o significado tem mais forca, e mais claro.... nao sei se vc me entendeu, mas tentei explicar o que acho...kkkkkkkkkkk

bju bju

Isabela Kastrup disse...

Eu não sou muito de falar palavrões não. Acho que mulher que fala muito palavrão fica vulgar, sei lá, não gosto mesmo. Mas de vez em qunado é inevitável!

lioness disse...

Eu também não falo palavrão, mas penso, e quando surge uma situação propícia, o mais engraçado é que penso na minha irmã falando o palavrão. Acho que para ela sai muito natural, mesmo.

lioness disse...

Eu também não falo palavrão, mas penso, e quando surge uma situação propícia, o mais engraçado é que penso na minha irmã falando o palavrão. Acho que para ela sai muito natural, mesmo.

Deeh! * disse...

me policio em relação a isso. não gosto, mas quando o saco transborda, solto uns.

Eneida disse...

Como disse a Chris, tem hora que sai um M***!
Mas não gosto não! Detesto! Tento me policiar, mas quando fico nervosa, é difícil!

Ah, postei a sua brincadeira da identidade! Adorei!
Beijo!

SGi/Sonia disse...

Lucia, não que eu gosto de palavrões, mas eu faço uso deles sim. Faço uso como terapia, porque as vezes gritar um palavrão muito bem gritado me faz bem demais.
Quando os meninos escutam, porque Lucia você pode gritar, implorar ajuda a eles, mas se você sussurra um que merda, na hora eles escutam, explico que não é bonito, mas que as vezes escapa, que as vezes mãe também é gente normal. Normalmente eles entendem e não saem repitindo por aí, explico o significado nada bonito, nu e cru para eles, porque se tem uma coisa que deixa um palavrão sem graça é saber o que quer dizer, mas tem que usar o bom senso e saber exatamente o que está falando para não criar curiosidades precoces, mas ser mãe é aprender o tempo todo.

Beijins:*

Jairo disse...

Não falo... bem, de vez em quando sai um ou outro. Raro. Conheço um sujeito que só consegue falar através de palavrões. Mas cá pra nós, conversar com um cara desses por muito tempo é chato.
Beijos

Postar um comentário

Olá!! Obrigada por comentar! Somente comentários educados e relevantes serão autorizados. Caso faça alguma pergunta, responderei abaixo.

♥ Siga também

♥ Pesquisar

♥ Atenção

Creative Commons License
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

♥ Receba por e-mail

RSS

Escreva seu email:

Delivered by FeedBurner

♥ Contando

  ©Lucia in the Sky - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo